26/07/2017

Vereador de Artur Nogueira relata ameaças e ato de vandalismo

Além de ligações com tom de ameaça, bombas foram arremessadas na casa do vereador Davi da Rádio (DEM)

Da redação

O vereador de Artur Nogueira, Davi da Rádio (DEM), foi alvo de um ato de vandalismo durante a noite desta segunda-feira (24). Além desse fato, o vereador relatou também que vem recebendo ligações no celular com tom de ameaça. Ele esteve na Delegacia de Polícia Civil do município na tarde desta quarta-feira (26) para prestar queixa sobre a situação que está enfrentando.

IMG_5583 - Cópia - Cópia-1501090268

De acordo com as declarações de Davi (DEM), a ação de vandalismo aconteceu na casa em que ele reside, no Jardim Bela Vista II. O vereador estava no banho, por volta das 22h30, quando ouviu um forte estrondo. “Meu primo estava em casa e correu para ver o que era. Ele notou muita fumaça no quintal e forte cheiro de pólvora, mas não deu para ver quem havia jogado a bomba. À princípio, pensamos que havia sido na rua, e não dentro da minha residência”, pontua.

No dia seguinte ao ocorrido, ao verificar o quintal da casa, Davi encontrou outras sete bombas amarradas em uma espécie de barbante. Certamente, o intuito era que todos os explosivos fossem acesos. Além desse fato, o vereador disse que também já foi alvo de ameaças diretas. “Há algum tempo atrás eu recebi ligações de um número privado em meu celular, com teor de ameaça, onde a pessoa dizia para eu tomar cuidado. Mas não sei se há ligação com esse novo caso”, declarou o parlamentar.

238d15cc-52f4-4ab0-99b8-0ba13c7b0c5c-1501090231

Em relação ao delito envolvendo as bombas, Davi (DEM) considera ser uma ação de vandalismo, mas também não descarta um ato político por trás de tudo. “Sou um dos autores da lei municipal contra vandalismo, isso pode ter sim ligação, mas pelo ato ter sido endereçado, feita na porta da minha casa, eu não descarto a motivação política. Independente do que seja, minha postura como legislador vai continuar sendo a mesma”, observa.

Câmeras de segurança, instaladas em casas do bairro, chegaram a registrar um rapaz de capuz, em uma bicicleta, acendendo uma das bombas e jogando na casa do vereador. Na sequência, o homem fugiu. As imagens, assim como as bombas encontradas na residência, foram entregues à Delegacia de Polícia Civil para averiguação.

Um Boletim de Ocorrência (B.O.) teve registro na unidade policial e o caso segue em apuração. Até o momento, o autor do ato de vandalismo não foi localizado.

.……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.