12/04/2019

Veículos atolam e moradores pedem manutenção em estrada de Artur Nogueira

Localidade faz divisa entre Artur Nogueira e Engenheiro Coelho (SP)

Da redação

Moradores do Residencial Quinta da Boa Vista, na região da Rodovia dos Agricultores (vicinal Artur Nogueira / Mogi Mirim – SP), reclamam das más condições de infraestrutura da única estrada de terra que dá acesso à cidade de Artur Nogueira. A localidade faz divisa com a cidade de Engenheiro Coelho (SP). Nesta semana, devido às chuvas que caíram sobre o município e região, vários veículos atolaram na lama que se acumulou no local, prejudicando a rotina dos munícipes do bairro. Estudantes chegaram a ter as aulas prejudicadas devido ao problema.

Conforme as reivindicações do moradores do residencial, o problema sempre ocorreu no local. Eles alegam que a falta de manutenção na infraestrutura da estrada tem causado transtorno a quem precisa utilizar a via para a locomoção. Nesta terça-feira (9), pelo menos um caminhão e dois ônibus escolares atolaram no barro acumulado na estrada de 1 quilômetro, que faz divisa entre as cidades de Artur Nogueira e Engenheiro Coelho (SP). Tratores foram deslocados ao endereço para retirarem os veículos atolados. O episódio prejudicou a rotina de estudantes, que dependem do transporte escolar para irem às escolas situadas dentro da cidade de Artur Nogueira.

A moradora Ana Alves Costa, de 44 anos, que mora no residencial, solicita que alguma providência seja tomada por parte do Poder Público. O filho dela de nove anos, que está no 4º ano do ensino fundamental, foi um dos estudantes prejudicados nesta semana. “Toda vez que chove é isso, abrem-se crateras e os veículos atolam no barro da estrada. Hoje mesmo (terça-feira – 9), o ônibus escolar que meu filho utiliza atolou, ele e outros alunos precisaram descer. Meu filho pegou carona com um amigo nosso para ir para a escola. Tem que ter mais manutenção aqui pela Prefeitura de Artur Nogueira ou de Engenheiro Coelho (SP), para colocarem cascalho e pedra na estrada”, relatou Ana.

O agricultor Ilton Batista Junior reside há 33 anos na localidade. Ele e a família enfrentam o mesmo problema devido à má conservação da estrada. Ele também é uma das pessoas que espera alguma providência da Prefeitura de Artur Nogueira ou de Engenheiro Coelho (SP). “Em dias de chuva forte, aqui só se passa com trator. Entra ano e sai ano e a situação é a mesma. É preciso haver uma manutenção frequente aqui, colocar pedras e cascalho, se não, fica intransitável”, lamenta o morador.

Um motorista que transitava pela estrada com um carro modelo VW/Fusca, também nesta semana, chegou a cair com o automóvel em uma vala que se abriu devido às chuvas. O problema que se arrasta não tem chances de resolução sem que a intervenção das prefeituras ocorra. Enquanto alguma providência não é tomada, os munícipes aguardam pelos reparos e enfrentam o problema como podem, dependendo de caronas de amigos para o deslocamento, ou se arriscam na lama até alcançarem a estrada vicinal entre Artur Nogueira e Mogi Mirim (SP), para utilizarem o transporte público.

Prefeitura de Artur Nogueira

Solicitada pelo Portal Nogueirense a se pronunciar a respeito do caso, a Prefeitura de Artur Nogueira informou através da Secretaria de Agricultura que, “encaminhou uma equipe até o local citado, constatando que a área pertence ao município de Engenheiro Coelho (SP). Os responsáveis pela estrada rural da cidade vizinha foram acionados e os mesmos se comprometeram a solucionar o problema”. A Prefeitura de Artur Nogueira informou ainda que “se coloca à disposição para prestar auxílio ao local para que o problema se resolva o mais breve possível”, finaliza.

Prefeitura de Engenheiro Coelho

Já a Prefeitura de Engenheiro Coelho (SP) declarou ao Portal Nogueirense que funcionários do setor estiveram em uma visita no local na terça-feira (9) e constataram que vários fatores contribuíram para o problema no local, como por exemplo, a entrada de uma das propriedades rurais, que não possui tubulação para o escorrimento devido da água. Nesse caso, a água escorre diretamente para o leito da estrada, formando o lamaçal na estrada. Outro fator indicado pelo setor é o assoreamento de saídas de água por decorrência da má conservação do solo por parte de alguns produtores.

O setor pontuou que será necessária a instalação de caixas de retenção e saídas de água na estrada de forma adequada para a resolução do problema, um trabalho que deverá ser realizado pela Prefeitura de Engenheiro Coelho (SP) com o apoio dos produtores rurais da localidade. A referida Prefeitura afirmou ainda que, “até esta sexta-feira (12) será feito uma manutenção paliativa no local e, na próxima semana, a conclusão dos reparos deverá ser efetuada”, finaliza.

……………………………………..

Tem uma sugestão de entrevista? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.