18/01/2019

Pacientes passam mal por más condições do transporte da Saúde de Artur Nogueira

Segundo moradores, ônibus já apresentava problemas antes mesmo do início da viagem, por isso, trafegou parte do percurso pelo acostamento

Mariana Avanzzi

Um ônibus da Saúde da prefeitura de Artur Nogueira quebrou durante uma viagem que levava pacientes para atendimento médico em Sumaré (SP) na amanhã desta sexta-feira (18). Alguns moradores passaram mal por inalar fumaça do veículo com problemas mecânicos.

Segundo os usuários do serviço público, o ônibus já apresentava problemas antes mesmo do início do deslocamento. Devido aos fatos, o automóvel trafegou parte do percurso pelo acostamento até não ter mais condições de seguir para o destino. Até o final da tarde, quatro pacientes ainda aguardavam pelo carro da prefeitura para retornar. Um dos munícipes esteve no Pronto-socorro por ter respirado muita fumaça durante viagem.

Foto: Imagem cedida por um dos usuários do transporte público

Ao todo sete pacientes saíram para se consultarem em Sumaré (SP), na manhã desta sexta-feira (18), com o ônibus da prefeitura. Segundo eles, o carro já apresentava problemas mecânicos quando estava saindo da cidade. Mesmo com indícios de complicações, o motorista seguiu sentido Hospital Estadual de Sumaré (SP). No meio do deslocamento, o transporte começou a exalar fumaça, mas, a fim de não deixar que os pacientes perdessem a consulta, o condutor seguiu viagem pelo acostamento até o ônibus parar, por completo, na rodovia.

Devido ao cheiro forte de fumaça, alguns pacientes começaram a passar mal e ficaram assustados com a situação. O motorista ligou pedindo para alguém socorrê-los e como havia um veículo da prefeitura na cidade de Sumaré (SP), o mesmo se deslocou e levou metade dos pacientes. Os outros ficaram aguardando outro carro no acostamento da rodovia. “Meu Deus! está cada dia pior isso é um descaso para com a população, não é a primeira vez que isso acontece comigo”, exclama Andréa Campinas, paciente que estava no ônibus.

Todos eles foram levados ao hospital, porém um dos moradores inalou muita fumaça no ocorrido e esteveem atendimento médico no Pronto-socorro de Sumaré (SP). Quatro pacientes estiveram desde às 11h30 esperando um carro para retornar para Artur Nogueira. De acordo com eles, um funcionário da prefeitura atendeu o telefonema e disse que, naquele momento, não havia carro disponível para buscá-los.

Maria Aparecida Germano é uma das pacientes que passou mal por inalar fumaça na viagem e esperou por cinco horas um veículo para poder retornar para Artur Nogueira.” Abrimos todas as janelas para aquela fumaça sair, mas a situação só complicou. Ameacei até pular do ônibus para o motorista parar, pois não estava mais aguentando a situação, já estava passando muito mal. Vieram buscar metade das pessoas, mas nós quatro estamos aqui esperando, liguei na prefeitura e eles disseram que não tem carro”, conta a munícipe.

Um carro foi disponibilizado, posteriormente, pela prefeitura, para buscar o restante dos munícipes.

Prefeitura

A Prefeitura nogueirense comentou o episódio e enviou uma nota via Assessoria de Imprensa. Confira:

“A Prefeitura de Artur Nogueira, por meio da secretaria de Saúde, informa que teve conhecimento do incidente ocorrido na manhã desta sexta-feira (18). Imediatamente, as devidas providências foram tomadas para que os pacientes fossem devidamente atendidos e trazidos de volta para a cidade após as consultas.

Em relação ao atraso, o departamento de transporte sanitário está apurando os fatos para averiguar o motivo do não cumprimento da agenda previamente estabelecida. A prefeitura ressalta que reconhece a alta demanda de transporte de pacientes no município e, por isso, colocou, recentemente, à disposição cinco automóveis, quatro ambulâncias, além de uma van, que está em processo licitatório,  para ajudar a amenizar a necessidade da população, e continuará trabalhando incansavelmente para que não se repitam problemas como o de hoje”.

Assista ao vídeo

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.