05/07/2011

O Percurso

Para sabermos em quanto tempo chegaremos aos nossos objetivos, precisamos primeiro medir a velocidade de nossas ações

Um dia Antonio estava cortando lenha à beira da estrada. Nisso, um homem veio caminhando na direção de Santa Fé e perguntou ao Antônio:
– O senhor poderá dizer-me o quanto tempo levarei até chegar a Santa Fé?
Antonio ouviu-o erguendo a vista do seu trabalho, mas nada disse. Por isso o homem, em voz mais alta insistiu.
– Quanto tempo levará para chegar a Santa Fé?
Mas Antônio continuou em silêncio. Dessa vez o homem gritou, indignado:
– Quanto tempo levará para chegar a Santa Fé?
Com Antônio continuasse mudo, o homem chegou à conclusão de que ele era surdo e assim se pôs a caminhar depressa no rumo da cidade.
Antônio observou-o a caminhar por uns instantes e de repente, lhe gritou:
– Uma hora!
– Por que não me disse isso antes? desabafou-se o zangado viajante.
– Porque eu precisava conhecer a velocidade de sua marcha – respondeu Antônio.


Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.