16/07/2019

Não aguenta mais os óculos de grau? Saiba como a Cirurgia Refrativa pode te ajudar

O procedimento é considerado um dos mais utilizados para a correção de grau. Conheça o método

Informe publicitário

O que muitos consideram um acessório estiloso, para outros é uma verdadeira tortura. A utilização de óculos de grau, mesmo com o constante avanço das lentes e criação de armações cada vez mais modernas, é um incômodo para muitas pessoas. Há quem deseje ler, dirigir e enxergar a longas distâncias sem precisar de óculos, ou mesmo tomar algo quente sem que as lentes fiquem embaçadas.

Resultado de imagem para pessoa chateada oculos

Atualmente uma das cirurgias oculares para correção de grau mais utilizadas é a Cirurgia Refrativa. Este procedimento utiliza os raios de uma luz ultravioleta para, suavemente, remodelar a superfície da córnea. Desta maneira podem ser corrigidos problemas oculares oriundos da refração, tais quais a Miopia, Hipermetropia, Astigmatismo e Presbiopia. O processo é relativamente simples e não necessita de internação nem anestesia geral. Existem diversas técnicas como a PRK (Ceratectomia Fotorrefrativa), LASIK (Laser Assisted In Situ Keratomileusis) e a FemtoLASIK, cada uma recomendada em casos específicos.

Resultado de imagem para cirurgia refrativA

Para quem deseja a independência dos óculos de grau e pensa em fazer a cirurgia corretiva, existem algumas perguntas que não podem deixar de ser respondidas. Confira.

  • A cirurgia é recomendada para todas as pessoas?

Antes de realizar o procedimento é necessário que o paciente seja avaliado por um oftalmologista, que poderá, ou não, recomendar a cirurgia. Será avaliado o histórico ocular do paciente, além de serem realizados exames oculares. Recomenda-se que o paciente possua idade superior a 21 anos e esteja fora do período gestacional.

  • A cirurgia é arriscada?

Assim como em todo o procedimento cirúrgico existem alguns riscos, contudo são raros. Geralmente, podem aparecer problemas após a cirurgia a laser nos olhos. Vem daí a importância do acompanhamento de um profissional de confiança.

  • Sentirei dor na hora da cirurgia?

Por mais incrível que pareça a cirurgia a laser corretiva de grau é indolor e não necessita de anestesia intravenosa. É aplicado um colírio anestésico para o procedimento, que é bastante eficaz e confortável. Após a cirurgia é comum sentir uma leve sensação arenosa nos olhos.

Resultado de imagem para cirurgia refrativA

  • Vou precisar ficar muitos dias parado após a cirurgia?

Geralmente em dois dias após a cirurgia o paciente já está apto para retornar ao trabalho e a rotina normalmente.

  • O problema pode retornar após o procedimento?

Casos de retrocesso ou complicações após a cirurgia podem acontecer, mas as chances são bastante pequenas. Por isso é importante que o histórico ocular seja avaliado e acompanhado por um profissional de confiança.

E aí, teve algumas de suas dúvidas respondidas? Vale a pena destacar que nada substitui o aconselhamento médico, já que cada caso possui especificidades que devem ser cuidadosamente avaliadas. Por isso, antes de cogitar a ideia de fazer a cirurgia para correção de grau consulte um médico oftalmologista de confiança. Para você que busca atendimento de qualidade e um profissional com experiência em cirurgia ocular, conte com Matheus Vieira, formado em medicina pela Universidade Federal do Paraná (UFPR) em 2010 e com residência em oftalmologia pela Universidade de Campinas (Unicamp), hoje o especialista leciona na Unicamp. Além de fazer consultas em modalidade particular, o oftalmologista também atende uma ampla gama de convênios, dentre eles Unimed, Santa Casa de Limeira – Frei Galvão Saúde, Beneficência Portuguesa, PlanSaúde e Medical.

Então não perca tempo, agende hoje mesmo sua consulta! O consultório do Dr. Matheus Vieira está sediado na Clínica Cáritas, localizada na Avenida 15 de novembro, 892, em Artur Nogueira. O atendimento ocorre de segunda a sexta, das 8 as 17h. para mais informações ligue (19) 3877-5313. Se preferir, clique aqui e agende sua consulta.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS


Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.