08/01/2019

Acusado de atropelar motociclista recebe condenação em Artur Nogueira

Colisão entre moto e caminhonete ocorreu em 2017; José Renato Camilo faleceu após acidente

Diego Faria

O motorista de uma caminhonete acusado de atropelar o motociclista José Renato Camilo em uma estrada de terra de Artur Nogueira, em setembro de 2017, recebeu a sentença de pagar danos morais à família da vítima. A decisão foi executada em dezembro.

Conforme informou o corpo advocatício da família de José Renato, o valor firmado com a sentença de reparação de danos morais contra o acusado é de R$ 80 mil, mais o custo do conserto da motocicleta que pertencia à vítima e os gastos com o funeral, custeados pelos familiares na época do sepultamento da vítima. A sentença foi executada pela juíza Drª Roseli José Fernandes Coutinho. Além do pedido de reparação de danos morais, a defesa da família de José Renato também havia solicitado a reparação por danos materiais, mas esta, foi negada pela juíza.

José Renato Camilo, falecido devido ao acidente

Frente à acusação sobre o caso, havia a alegação por parte da defesa do acusado de que o acidente teria sido ocasionado devido à poeira existente na estrada de terra em que as partes trafegavam com os veículos. José Renato estava com uma motocicleta modelo Honda/CG preta e, o acusado, com uma caminhonete Nissan/Frontier preta. Porém, com a análise de um vídeo adquirido pela parte de acusação, que se tratava de imagens das proximidades do local da colisão, a juíza constatou que o condutor da caminhonete foi responsável pelo acidente. A tese contra o acusado indicava que ele apostava corrida com o motorista de outra caminhonete, tendo perdido o controle do veículo e atropelado o motociclista, que faleceu devido ao ocorrido.

A decisão judicial foi assinada dia 12 de dezembro de 2018 e publicada no Diário Oficial de Justiça cinco dias depois, no dia 17 de dezembro.

Acidente

O referido acidente ocorreu no início da noite do dia 10 de setembro de 2017, em uma estrada de terra no Bairro dos Correias, via que liga Artur Nogueira a Engenheiro Coelho (SP). O ex-guarda civil municipal José Renato Camilo, de 51 anos na época, trafegava pelo local com uma moto Honda/CG Fan preta.

Em determinado momento, o condutor de uma caminhonete Nissan/Frontier preta colidiu contra o motociclista, bateu com o veículo em um barranco e capotou na estrada. O referido motorista da caminhonete, com 21 anos na data do acidente, deixou o local sem prestar socorro ao motociclista.

A vítima foi levada ao Pronto-Socorro em uma ambulância, mas não resistiu aos ferimentos e entrou em óbito. O rapaz envolvido no acidente chegou a ser intimado pela Polícia Civil e, após quatro dias do ocorrido, compareceu à Delegacia da cidade para prestar depoimento na presença de um advogado, sendo liberado depois de negar ter ingerido bebidas alcoólicas no dia do fato.

Leia mais

Audiência em Artur Nogueira ouve testemunhas sobre acidente fatal

Acusado de fugir após acidente fatal se apresenta à Delegacia em Artur Nogueira

Ex-guarda municipal de Artur Nogueira morre em acidente

Envolvido em acidente em Artur Nogueira continua foragido

José Renato Camilo, morador de Artur Nogueira, falece aos 51 anos

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.