09/04/2019

Evento é aberto a toda população

A Prefeitura de Holambra e o Conselho Municipal de Saúde promovem, nesta quarta-feira (10) a 6ª Conferência Municipal de Saúde da cidade. O evento, aberto para a toda a população, será realizado às 18h no Salão da Terceira Idade e tem por objetivo discutir propostas que possam ajudar a administração a oferecer um sistema de saúde cada vez melhor e mais eficiente para a comunidade.

O encontro, que deve acontecer a cada quatro anos, é a primeira etapa para a Conferência Nacional de Saúde, prevista para agosto. Segundo o diretor municipal de Saúde, Valmir Marcelo Iglecias, “esse é um importante momento para a população discutir e participar da construção da saúde pública no município”. A iniciativa precisa contar com gestores (25%), trabalhadores da área da saúde (25%, das redes pública ou privada e autônomos) e usuários (50%).

Ainda segundo ele, inicialmente será apresentado um panorama da saúde de Holambra. Em seguida, é a vez de a articuladora da atenção básica da Regional de Saúde de Campinas, Cláudia Mercadante, falar sobre “A consolidação do SUS para a manutenção do direito à saúde”. Depois, os presentes vão ser divididos em três grupos para discussão e apresentação de propostas ligadas ao tema. As mais votadas vão ser incluídas no relatório final que será entregue durante Conferência Regional, no mês de maio, que reunirá os municípios que compõem a macrorregional – Campinas, Piracicaba e São João da Boa Vista. Depois de condensadas, elas serão encaminhadas para a Conferência Estadual e, por fim, a Nacional.

“O trabalho conjunto entre a população e os profissionais que atuam na área é fundamental para que possamos oferecer um serviço cada vez mais próximo do anseio coletivo”, explica o prefeito da cidade, Fernando Fiori de Godoy.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Holambrense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.