14/09/2014

Gincana da Integração de Artur Nogueira começa com apresentação de QGs

Em clima de animação e com muita criatividade, as equipes veteranas Bamboocha, Catapulta e Falange e ainda as estreantes Cuca e Pé Vermeio disputaram a atenção dos jurados e do público em divertidas apresentações. Gritos de guerra ajudaram a relembrar antigas edições da gincana.

IMG_9994

Começou na noite deste sábado (13), em grande estilo, a sexta edição da Gincana da Integração de Artur Nogueira. O evento reuniu centenas de pessoas no Balneário Municipal Guilherme Carlini, onde estão concentrados os QGs das equipes participantes da competição. A primeira prova lançada para as cinco equipes já estava em andamento bem antes do lançamento oficial da Gincana, às 20 horas. Os competidores, desde o domingo passado, constroem seus QGs (Quartel-General – que servirá de base para encontros e reuniões das equipes), com decoração referente à história da equipe no Balneário.

Largura, altura, alinhamento com a proposta estética de cada equipe, enfim, nada passou despercebido pela análise da organização e dos jurados, todos moradores de outras cidades, para evitar qualquer possibilidade de fraude. Na ocasião, um representante de cada grupo explanou sobre a história, o conceito e as curiosidades que envolvem as equipes.

Além da avaliação dos QGs, a equipe Fênix, responsável pela organização, lançou a segunda prova da gincana. As equipes Bamboocha, Catapulta, Falange, Cuca e Pé Vermeio terão até o último dia da competição para entregarem 50 notas de dois reais. Detalhe: são todas notas específicas, distribuídas em diversos pontos comerciais da cidade. Como as cédulas podem estar em pizzarias, postos de combustíveis, bares e outros estabelecimentos que trabalham à noite, diversos participantes saíram à caça das notas, todas com suas numerações registradas pela organização.

Nenhum resultado parcial sobre o desempenho das equipes será divulgado ou contabilizado até o último dia. De acordo com Chiste, a estratégia deve servir para manter as equipes estimuladas até o fim da competição. Todas as notas lançadas pelos júris são lacradas e armazenadas no comitê da organização. Um gesto importante que acaba por revelar o principal objetivo da gincana: a integração.

A primeira noite de luau foi produzida pela equipe Falange, que recebeu o púbico da gincana num espaço decorado exclusivamente para a noite. Em céu estrelado e uma lua encantadora, os integrantes da Gincana da Integração puderam dançar e se divertir, após um dia agitado e repleto de atividades. Para o organizador do evento, Claudinei Chiste, “é gratificante poder contribuir para a integração das gerações e assistir a juventude participando de uma atividade que faz parte da história da cidade”.

A Gincana da Integração nasceu com o objetivo de unir os habitantes de Artur Nogueira e teve a primeira edição em 1988 e se estendeu até 1997. Outra edição foi realizada em 2005, mas desde então ela não acontecia mais.

Paralelo à gincana principal também haverá uma competição para as crianças com o objetivo de estimular pilares da educação nos menores. “[De] aprender a conviver, aprender a fazer, aprender a pensar e a conhecer, aprender a ser, aprender a empreender e aprender a transcender”, enumera Chiste.

IMG_9919 IMG_0162 IMG_0121 IMG_0107 IMG_0100


Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.