12/09/2019

Festa da Padroeira de Artur Nogueira continua neste fim de semana

Programação contará com a missa solene e procissão no domingo (15), Dia de Nossa das Dores

Da redação

A Festa em Louvor à Nossa Senhora das Dores, Padroeira de Artur Nogueira continua neste final de semana, com uma vasta programação. O evento acontece na Praça da Igreja Matriz, no centro da cidade.

Nesta sexta-feira (13), a partir das 19h, tem a missa da 6ª Dor de Nossa Senhora das Dores, presidida pelo padre Thiago Fioravante, da paróquia Santo Antônio Pirassununga/SP e logo depois, show com Raul Seixas Cover.

No sábado (14), às 18h30 tem a missa da 7ª Dor de Nossa Senhora das Dores, presidida pelo padre Edson Tagliaferro, da paróquia Nossa Senhora das Dores, de Artur Nogueira.  Em seguida, tem show com a banda Parada Sertaneja e completo serviço de bar.

No domingo (15), Dia de Nossa Senhora Aparecida, acontece a Missa Solene em honra a Santa, a partir das 16h e em seguida, procissão por ruas e avenidas do centro da cidade. Após as celebrações, continua quermesse com show de prêmios.

No próximo final de semana, no dia 21 de setembro, tem show com Aduari Camargo a partir das 20h

No domingo (22), às 11h30 tem Almoço Italiano e logo depois, leilão de gado, em prol das obras de reforma da Matriz.

Nossa Senhora das Dores

Nossa Senhora das Dores (Mãe Dolorosa) é um dos nomes dados à Virgem Maria. A nomeação tem como referência as dores sofridas por Maria, e que estão registradas na Bíblia Sagrada. As sete dores têm como representação a profecia de Simeão, a fuga para o Egito, a perda de Jesus aos doze anos durante a peregrinação à Cidade Santa, o caminho de Jesus para o calvário, a crucificação, a deposição da cruz e a sepultura.

A Santa Nossa Senhora das Dores tem a face com semblante de dor, além de ter sete espadas cravadas no coração, ou com apenas uma, o que faz referência às dores às quais ela sofreu. A representação de Nossa Senhora das Dores ainda aparece com expressão de sofrimento ao fitar o filho morto diante da cruz, com Jesus morto nos braços.

A data para homenagem à santa foi estipulada pelo Papa Pio X, em meados de 1950, em Roma. Ainda em 1935, a padroeira de Artur Nogueira, até então, era Nossa Senhora das Lágrimas.

…………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.