13/12/2014

ENTREVISTA: Talita Valim explica como se tornou uma artista da maquiagem

Conheça o trabalho da nogueirense que deixou de lado a carreira promissora de advogada e se tornou uma artista da maquiagem reconhecida na região

capa3
“Não existe mulher bonita, existe mulher produzida” (Talita Valim)

……………………….

Alex Bússulo  

Esta nogueirense tinha tudo para ser uma grande advogada, assim como o pai, o irmão e os tios. Ela estudou e se formou em Direito, fez pós-graduação em Direito Civil e atuou na área por 11 anos. Mas decidiu dar outro rumo na carreira.

Talita Valim, de 31 anos, deixou de lado a profissão de advogada e se tornou uma artista da maquiagem. E acertou na mudança. Em um período de dois anos ela transformou aquilo que era apenas um hobby em uma nova carreira.

Fez vários cursos no Brasil e nos Estados Unidos e se tornou referência em maquiagem artística em Artur Nogueira e região. A Fanpage dela possui mais de 8 mil curtidas e reflete o sucesso das artes, como ela mesma intitula as maquiagens realizadas. Confira a entrevista:

Você é formada em Direito e já atuou vários anos como advogada. Também é corretora de imóveis. Como foi que descobriu o talento para maquiar? A descoberta para mim foi em uma brincadeira, sempre tive muitos produtos de maquiagens e sempre amava me maquiar para festas. Um belo dia uma amiga me pediu para eu a maquiar para uma formatura. Depois de fazer a “make” ela me disse: “Por que você não faz um curso? Faz maquiagem tão bem!”, depois que ela me disse isso fiquei pensando no assunto e resolvi realmente procurar um curso legal de maquiagem só para melhorar minhas “makes”. Tive a sorte de fazer meu primeiro curso com a talentosa Paula Espelho, em Campinas/SP. Ela foi tão sensacional e sábia em passar para mim o que é ser uma “maquiadora profissional” e o que eu poderia fazer com meu talento, que me apaixonei por esse mundo. Foi quando comecei a atender algumas clientes em minha casa. Daí pronto. Foi um estouro! Às vezes me espanto com tamanha repercussão do meu trabalho mas, sem dúvida nenhuma, estou amando fazer “minha arte”!

3

E quando foi que notou que daria para transformar esse hobby em uma profissão? Foi quando percebi que a minha agenda não parava de crescer! Como atendia em minha casa, o espaço foi ficando pequeno para a mulherada [risos]. Daí resolvi procurar um espaço bacana, onde pudesse atender as mulheres confortavelmente e sem perder minha essência, que era e continua focada na maquiagem. Com isso veio o retorno financeiro também, que estava me animando muito. Meu pai tinha uma sala no centro da cidade e não pensei duas vezes: resolvi montar um estúdio de maquiagem, uma coisa inédita aqui e na região! Pois geralmente os maquiadores vão a um salão de beleza maquiar as mulheres e eu me arrisquei montando um estúdio somente de maquiagem, sozinha.

Hoje você possui um estúdio no centro da cidade. Como é a sua rotina? Hoje, depois de 2 anos que esse furacão passou pela minha vida sem que eu estivesse esperando, é tudo uma loucura! Tenho que me dividir em quatro para dar conta de tudo. Mas faço tudo com muito amor e carinho. Me divido entre meu estúdio, a imobiliária do meu pai, que ainda trabalho e não pretendo parar de trabalhar, minha casa, meu marido e filho. Minha agenda está abarrotada. Para vocês terem noção, já estou agendando horários para noivas em setembro de 2015! Muita gente vindo me procurar de fora da cidade, de Limeira, Holambra, Cosmópolis, Engenheiro Coelho, Paulínia e até Campinas. É muito legal saber que meu trabalho está sendo reconhecido e está alcançando tantas pessoas, sem contar nos cursos que estou ministrando para o pessoal de outras cidades. É realmente muito gratificante.

IMG_0273

Cursos? Sim, atualmente dou cursos de automaquiagem, curso para profissionais, ministro workshops, e assim vai. Acho que meu trabalho é único e que cada profissional tem seu jeito de trabalhar. Posso ensinar exatamente como eu faço, com que tipo de material eu trabalho, que o trabalho dele nunca será igual ao meu. Pode chegar a ser até melhor que o meu, mas igual nunca, pois a maquiagem é uma assinatura, cada profissional tem a sua.

Como você se qualificou para este mercado? Fiz vários cursos de “makes” com maquiadores famosos do Brasil. Fiz um curso em São Paulo com a Nanda Gama. Em Campinas com Paula Espelho e Raphael Oliver. Participei do 1º Congresso Nacional de Maquiagem em São Paulo, além de um curso de maquiagem online internacional com Tamanna Roashan (Dress Your Face), de Los Angeles. Também fiz um curso em Nova York, na Make Up Forever, onde fui convidada pela coordenadora a compor o estande da marca na “Beauty Fair 2014”, foi uma experiência incrível, inclusive levei nossa querida Miss Artur Nogueira 2013, a linda Isabela Chichurra, para ser modelo deles. O que procuro nesses cursos é o conhecimento de novas técnicas, como por exemplo como fazer um olho com o glitter e não deixar cair o glitter no rosto da cliente durante a festa ou como fazer a maquiagem durar mais sem parecer que foi feita há muito tempo. Sempre procuro me reciclar durante esses cursos para trazer coisas novas para minhas lindas clientes. É o que me atrai, novidades no mercado mundial.

Você se intitula como uma ‘artista da maquiagem’. Qual a diferença comparada a uma maquiadora? Na verdade meu trabalho é mais artístico. Costume dizer que a cliente é uma tela e que estou literalmente pintando no rosto dela. Na maquiagem convencional o profissional não dispõe de tanto tempo só em uma pessoa, eles têm um tempo determinado para o cabelo e para a maquiagem. Já a minha maquiagem dura em média uma hora e meia. Não adianta a cliente vir com pressa, ou dizer que está atrasada! Sou muito detalhista e chata com meu trabalho. Se eu não gostar do resultado, tiro e faço tudo novamente. Faço o olho, a pele e aplico “Air Brush” quando é o caso. Tudo sai das minhas mãos, não delego nada a ninguém, pois quando você trabalha em um salão, muitas vezes você precisa trabalhar com quantidade e não qualidade. Prefiro trabalhar com qualidade, sempre! É por isso que demoro tanto tempo em minhas “makes”, converso com a cliente, vejo seu perfil e a partir daí começo a elaborar a maquiagem dela em minha mente. Cada maquiagem que faço é diferente, não gosto e não costumo repetir maquiagens, sempre inovo e crio algo novo, acho que é esse meu diferencial.

IMG_0254

Quais tipos de maquiagem existem? Nossa! [risos], existem vários tipos de maquiagem, dependendo de qual profissional você escolhe você fica perdido em tantos tipos de “makes” que pode fazer em sua cliente. Eu costumo dividir em três modalidades: a maquiagem “social”, que é aquela mais delicada, mais suave e que você pode usar ela em qualquer horário do dia; a maquiagem “glamour” que é aquela maquiagem que já tem um pouco mais de glitter, um pouco mais de preto e que a cliente fala para mim que quer chegar e arrasar na festa que vai, nestes casos a minha imaginação vai longe [risos]; e a maquiagem “artística”, que é aquela toda detalhada, com fusão de cores ou até  aplicação de cristais Swarovski. Não que isso seja o conceito do mercado atual, mas eu divido assim.

1

O que é uma mulher bonita? Uma mulher bonita hoje para mim é uma mulher produzida. Essa produção vai da maquiagem, cabelo, roupa, unha e o que mais realçar e colaborar para fazer com que a mulher se sinta bem e linda. Costumo dizer que não existe mulher bonita, mas sim mulher produzida. Quando uma mulher entra em meu estúdio ela é uma pessoa, quando ela sai de lá é outra. Eu tento realçar a beleza de cada mulher em sua particularidade. Dessa necessidade trouxe uma cabeleireira para trabalhar comigo, a Déia Amorim, pois muitas de minhas clientes queriam sair prontas do estúdio para ir para a festa, casamento, entre outros eventos.

Qual o limite para que a mulher não perca a sua essência e naturalidade? Eu converso muito com minhas clientes, mesmo aquelas que não conheço. Como fiz um curso de visagismo, um curso de leitura corporal, conversando com minha cliente e observando ela falar, consigo extrair um pouco do que ela é no dia a dia e o que ela está buscando em minha maquiagem. Assim, se uma cliente que quer uma maquiagem mais “clean” consigo fazer, se é uma cliente que quer uma maquiagem mais arrojada também consigo fazer. Acho que em primeiro lugar você deve respeitar sempre o que a cliente te pede e tentar identificar o que ela busca na maquiagem que você está fazendo, mas quando é necessário dar alguns palpites para que ela obtenha esse resultado eu dou numa boa, sempre explicando o porquê ela deve fazer isso ou aquilo.

É caro hoje em dia para uma mulher se manter produzida? Com certeza! Uma boa produção vai desde cabelo até as unhas da mulher! Acho que além de caro exige tempo, o que poucas tem hoje em dia. Essas artistas de televisão, que aparecem sempre lindas na telinha, tem por trás delas um personal “stylist”, personal “hair and make up”… e assim vai, elas vivem cercadas de pessoas que as tornam bonitas, desde a hora em que elas acordam até a hora em que vão dormir. Agora, uma mulher “normal” tem todo esse tempo para se arrumar ou até mesmo dinheiro? Essa é a questão. Quando você está com o cabelo feito, uma maquiagem bem feita e vestida com uma roupa em que você teve dias ou até semanas para escolher, acho que não tem nem como você se sentir feia. Só se algo nesse conjunto deu errado.

O que é considerado um rosto perfeito? Um rosto perfeito na atualidade é um rosto harmônico. Onde nenhuma de suas formas brigam entre si. Por exemplo, o formato de um rosto perfeito, na teoria, é um rosto com forma oval, mas nem toda a mulher tem esse tipo de rosto. O que eu como uma maquiadora tenho que fazer é tornar esse rosto oval, por isso que minhas maquiagens ficam sempre harmônicas, pois busco sempre tornar o rosto da cliente em um rosto perfeito, com olhos perfeitos e boca em formato perfeito – cada rosto com sua particularidade, seguindo as formas e cores que cabem a ela.

2

Qual dica você pode dar para aquela mulher que não quer gastar muito, mas que deseja se manter produzida, mesmo em um grau menor, com uma maquiagem feito em casa mesmo? Sempre use produtos de qualidade, regularizados pela Anvisa, pois para você usar um produto que te dê alergia e acabar com seu dia não custa nada. Sempre usar um batom, uma base e um rímel, isso faz toda a diferença!!! Se você gosta de se arrumar mais e fazer uma produção mais elaborada, vá em frente! Não tenha medo de errar, porque errando é que se aprende e treinando com certeza você chega lá.

Quais são seus planos? Ah! Eu tenho vários planos [risos]. Um deles é trabalhar com passarela, desfiles, pois sou muito criativa, adoro criar nos rostos de minhas clientes. Já fui convidada para fazer um editorial de moda em uma revista, mas por motivos de saúde na época não pude ir. Tenho planos em abrir um espaço grande para noivas, com banhos, massagens, espaço gourmet, enfim, tudo o que uma noiva tem direto. Vamos ver o que vai acontecer durante os próximos anos, mas posso garantir que as coisas só tendem a crescer. Lembrando que comecei a maquiar na minha casa há pouco mais de dois anos e hoje já tenho meu estúdio de maquiagem. O futuro a Deus pertence, mas com certeza estou resenhando alguma coisa nele [risos]!


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.