28/03/2019

Eleita diretoria da Associação das Pessoas Deficientes de Artur Nogueira

Nova associação, no entanto, ainda não possui sede própria; Membros da Apedan pedem auxílio ao Poder Executivo e demais setores da sociedade

Daniela Fernandes

A assembleia de fundação da Associação das Pessoas Deficientes de Artur Nogueira (Apedan) aconteceu na noite desta quinta-feira (28). Sediada no auditório da Câmara Municipal nogueirense, houve a eleição e a posse da diretoria e do conselho fiscal da entidade. Adriano Silva é o primeiro presidente da organização e ficará na função por cinco anos.

O advogado e representante da Comissão dos Direitos das Pessoas com Deficiência de Artur Nogueira, dr. João Abel Antunes Pompeu, presidiu a assembleia. Ao lado dele, Adriano secretariou as atividades. Estiveram presentes os vereadores Rodrigo de Faveri (PTB) e Miltinho Turmeiro (MDB), advogados, além de pessoas interessadas no tema voltado aos direitos dos deficientes.

O estatuto lido, discutido, votado e aprovado pontua que o prazo da existência da Apedan é indeterminado e, durante os exercícios da associação, serão realizados atos em Artur Nogueira, no Estado de São Paulo e, eventualmente, em território nacional.

Sem cunho político, partidário ou religioso, a proposta é lutar junto aos poderes públicos competentes e de todos os setores da sociedade a fim de aplicar a lei nacional de inclusão. Além disso, a entidade propõe ser voz fiscal e provedora das pessoas com deficiência, exigindo que elas sejam respeitadas.

Por aclamação, foram eleitos os membros da primeira diretoria da Associação das Pessoas Deficientes de Artur Nogueira. Adriano da Silva foi eleito presidente; Clóvis Manoel de Almeida, vice-presidente; Lázaro da Silva, tesoureiro; Pablo dos Santos, vice-tesoureiro; Núbia Magalhães, secretária; Felipe Cardoso, vice-secretário.

O presidente atuará ao longo de cinco anos, podendo ser reeleito em quatro mandatos. A primeira gestão diretora realizará ações de 2019 a 2024. Neste período, o estatuto poderá ser alterado se e somente se for convocada uma nova assembleia da Apedan.

O presidente Adriano Silva conta que o sonho já existia há anos. “Desde 2013 queríamos que tudo se concretizasse. Cheguei a quase desistir, mas me rodeei de pessoas que me apoiaram. Chegou a hora de batalharmos ainda mais. Afinal, no passado ficou muita coisa que pode ser resolvida a partir de agora. Agradeço a todos e peço o apoio permanente de vocês”, manifestou.

E acrescentou, “somos deficientes, eficientes! E esse é o nosso slogan“.

João Abel Antunes Pompeu pontuou alguns dos próximos passos. “Primeiramente, vamos pegar toda essa papelada e registraremos no cartório de Mogi Mirim (SP). Para isso é necessário dinheiro. Depois abriremos o CNPJ e seguiremos com algumas outras exigências. Além disso, temos que correr atrás de convênios e parcerias”, enumerou.

Apesar da conquista, o advogado identifica um fato que, segundo ele, deixa os membros da Apedan entristecidos. “Ainda não temos uma sede. Abrimos a temporada de caça a uma sede. O senhor prefeito pode nos doar ou ceder uma sala”, apelou. Pompeu aproveitou e frisou que o local deve ter acessibilidade, tendo lugar fácil de estacionamento e não possua rampas e escadas.

Os vereadores Rodrigo de Faveri (PTB) e Miltinho Turmeiro (MDB) também tomaram a palavra e se mostraram satisfeitos com a fundação de uma instituição, a qual defende os deficientes do município nogueirense. Faveri (PTB) comentou a eleição da nova diretoria. “Apoiamos a causa. Fizemos o mínimo do que poderíamos fazer. Ainda há muito a se realizar. Para mim é uma satisfação estar participando desse momento histórico em nossa cidade. O sonho se concretizou”, afirmou.

Miltinho (MDB) parabenizou os envolvidos. “Fico feliz de poder participar. Hoje, estamos vivendo um momento alegre onde podemos ajudar nossos amigos. Contem comigo”.

A nova diretoria busca apoio, agora, para adquirir uma sede própria a fim de que as atividades em prol dos deficientes sejam desenvolvidas na cidade. Os representantes da nova associação afirmaram que almejam receber suporte do Poder Executivo Municipal, Associação Comercial, Poder Legislativo e sociedade civil.

Confira fotos

Leia mais

Assembleia criará Associação das Pessoas Deficientes de Artur Nogueira

Comissão de direitos dos deficientes realiza reunião em Artur Nogueira

Deficientes de Artur Nogueira ganham comissão em defesa dos direitos

Advogado pede por inclusão e acessibilidade em Artur Nogueira

OAB de Artur Nogueira cria comissão em prol dos deficientes físicos

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.