05/09/2012

ELEIÇÕES 2012: Você sabe qual é a função de um vice-prefeito?

Crise e histórico político em cidades da região reforçam papel do vice

Hidaiana Rosa / Myllena de Luca

Por ordem alfabética, os candidatos a vice: Devanir, Melinho, Sebastião e Zé Creme

Os últimos governos de alguns municípios da região demonstram que os candidatos a vice-prefeito devem ser levados em conta na hora do eleitor escolher quem será o chefe do Executivo. Em Campinas, três dos quatro prefeitos das administrações anteriores não cumpriram seus mandatos na cidade. Coube, então, ao vice a função de assumir o comando. Entretanto, a crise política mais recente vivida pelo município em 2011 colocou em descrédito a função de vice-prefeito depois de Demétrio Vilagra (PT) ter sido acusado pelo Ministério Público (MP) de integrar um esquema de corrupção do prefeito cassado, Hélio de Oliveira Santos (PDT).

Em Águas de São Pedro, interior de São Paulo, o prefeito Paulo Ronan foi afastado do cargo por uma decisão da Comissão Processante (CP). Após o afastamento, o vice Silvio César Corrente (PTB) assumiu a Prefeitura.

Já em Santa Bárbara d’Oeste, o vice-prefeito Luis Vanderlei Largues assumiu quando o antigo prefeito, Mário Heins (PDT), era réu em um processo por improbidade administrativa, no qual foi acusado de comandar um esquema de desvio de verbas de licitações para a compra de gados no Mato Grosso e foi afastado do cargo para não atrapalhar nas investigações.

O vice-prefeito de Limeira, Orlando José Zovico (PDT), assumiu a cidade quando o prefeito Sílvio Félix (PDT) foi afastado do cargo por decisão unânime da Câmara Municipal.

A primeira administração de Artur Nogueira, no período de 1949 a 1953, também foi marcada por instabilidade política. Segundo relatos históricos do livro Berço da Amizade, escrito por Luis Carlos Fromberg e Sérgio Augusto Fromberg, o prefeito Severino Tagliari renunciou o cargo antes de terminar o mandato. Restando 48 dias para o encerramento da administração, Tagliari entregou o cargo para Rodolfo Rossetti, que na época ocupava a presidência da Câmara Municipal.

Qual é a função do vice-prefeito?

Vice-prefeito é o segundo em exercício no cargo do Executivo municipal. No Brasil, esse representante é eleito através de voto direto, de quatro em quatro anos, juntamente com o prefeito, de modo vinculado. O vice-prefeito é o substituto do prefeito em caso de ausência por licença ou outro impedimento. Pode e deve exercer a função dentro da administração do município.

Segundo a Lei municipal de número 2.972, para o exercício do mandato de 2013 a 2016, o futuro prefeito de Artur Nogueira receberá R$ 9.000,00 e o vice-prefeito receberá cinquenta por cento do subsídio do prefeito, ou seja, R$ 4.500,00.

ARTUR NOGUEIRA: Conheça o perfil e a trajetória dos candidatos ao cargo de vice-prefeito

Devanir Vicensotti (PPS) – Candidato a vice-prefeito de Ivan Vicensotti (PPS)

O nogueirense Devanir José Vicensotti é pai do candidato a prefeito Ivan Vicensotti (PPS) e tem 62 anos de idade. Viúvo de Terezinha Ap. Vicensotti tem outros dois filhos: Claudenir e Elaine. Por muito tempo trabalhou no cultivo e produção de laranja, milho e arroz, além de pecuária, em um sítio na Parada, em Artur Nogueira. Já foi candidato a vereador em 2004, mas não conseguiu ser eleito. Em março de 2010, abriu junto com os filhos a Agrocenter, uma agropecuária na Avenida XV de Novembro.

__________________________________________________________________

Melinho (PP) – Candidato a vice-prefeito de Dr. Flávio Almeida (PSL)

Reinaldo Amélio Tagliari, conhecido como Melinho, tem 55 anos de idade e é casado com Eva Tagliari. Já foi vereador em Artur Nogueira por quatro mandatos, sendo eleito presidente da Câmara Municipal por três gestões. Na última eleição, foi o terceiro candidato mais votado, com 711 votos, porém não foi eleito devido a coligação não ter alcançado o coeficiente eleitoral mínimo. O nogueirense também já foi presidente do Clube Recreativo Floresta, presidente da Corporação Musical 24 de Junho, secretário da Aidan, membro suplente do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente, vereador constituinte, membro da Acean, da Sasan e do Lar renascer.

__________________________________________________________________

Sebastião Chaves (PT) – Candidato a vice-prefeito de Alcione Coser (PT)

Nascido em Aracatu, Bahia, Sebastião Chaves Pinheiro veio para Artur Nogueira com 15 anos de idade. Casou-se com Ilda Ap. Fernandes Pinheiro com quem tem três filhos: Samara, Vinicius e Mariana. Economista formado pela PUC Campinas e pós-graduado em Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável pela Unicamp, também é técnico em Segurança do Trabalho. Hoje, aos 51 anos de idade, atua como professor e gestor. Mesmo sendo filiado ao Partido dos Trabalhadores desde 1998, nunca disputou uma eleição municipal.

__________________________________________________________________

Zé Creme (PMDB) – Candidato a vice-prefeito de Celso Capato (PSD)

José do Carmo Rissi, popularmente conhecido como Zé Creme, nasceu na cidade de São Jorge do Ivaí, no Paraná. Mudou-se para Artur Nogueira em 1985 para trabalhar em uma oficina de motos. É casado com Sandra de Fátima Toniolo Rissi, com quem tem duas filhas: Priscila e Caroline. Entrou para a política no ano de 2000, sendo eleito vereador com 445 votos. Em 2004 foi o único vereador reeleito, com a quantia de 465 votos. Em 2008, foi o vereador mais votado no município, recebendo 1.093 votos, tornando-se presidente da Câmara Municipal. Já foi vice-presidente por duas gestões da Apae e presidente do Conselho da Sasan. Zé Creme também é um dos idealizadores do Encontro de Motociclistas e um dos voluntários que deram continuidade a Campanha do Agasalho de Artur Nogueira.

Participe

Sugira as próximas reportagens do Jornal Nogueirense. A sua participação é muito importante! Escreva para jornal@nogueirense.com.br.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.