02/03/2020

Davi chama atenção para salários pagos a funcionárias da secretaria da Educação

Pronunciamento ocorreu durante sessão ordinária da Câmara desta segunda-feira (2)

Da redação

O vereador Davi Fernandes (DEM) questionou durante a sessão ordinária da Câmara de Vereadores desta segunda-feira (2), a falta de investimentos no campo da Educação no município. Ele também citou salários de funcionárias comissionadas do setor.

O pronunciamento de Davi ocorreu durante o espaço de fala livre dos parlamentares. Na ocasião, ele chamou a atenção dos professores do município e de munícipes para o salário pago aos educadores da rede municipal.

“Peço a atenção dos professores, professoras, cidadãos e, em especial, da secretária de Educação de Artur Nogueira. O piso salarial estipulado pelo MEC é de R$2.886,24. Aqui em Artur Nogueira, o professor de ensino fundamental fica com as crianças cinco horas, e recebe R$2.017 bruto, com desconto fica em torno de R$1.795. Professores que dão aulas de Artes, Inglês, Educação Física, ganham R$2.545,01 bruto. As duas categorias estão fora do piso nacional”, expôs.

O parlamentar também citou um baixo assinado que teria sido feito por professores da rede municipal, cobrando a equiparação salarial ao piso nacional. “Tomei ciência de um baixo assinado, feito por alguns professores, solicitando que o repasse anunciado pelo presidente Jair Bolsonaro, fosse repassado aos professores. A secretária de Educação disse que vê como positivo o baixo assinado, mas que verá a possibilidade de fazer um levantamento de dados. É lei secretária, tem que cumprir. Solicite a tribuna, convoque todos os professores e interessados e explique o que está acontecendo com o dinheiro da Educação. Não reúna apenas alguns representantes da Educação para discutir dados. Temos dúvidas de onde está indo o dinheiro da Educação”, declarou ele.

Por fim, o vereador citou a falta de investimentos na Educação da cidade e expôs o salário de algumas funcionárias comissionadas da pasta. “Tá faltando nas escolas apostilas, projetores, material, máquina de cópias. Em outras administrações, até notebooks os professores tinham. Enquanto funcionária comissionada da secretaria da Educação, professora aposentada, ganha R$14.805,00 bruto. Outra ganha R$ 9.375. Pra onde está indo o dinheiro da Educação?”, questionou.

Os valores pago às funcionárias, de acordo com Davi, estão presentes no Portal da Transparência da Prefeitura Municipal de Artur Nogueira.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.