12/09/2019

Cultura Rock em Artur Nogueira traz Banda Persevere, Banda Eu, A Véia e os Caras e Live For André Matos

Evento começa a partir das 19h30 na Réplica da Estação com entrada gratuita

Da redação

Mais uma edição do Cultura Rock acontece nesta quinta-feira (12), em Artur Nogueira. Na edição de setembro, sobem ao palco do evento, três bandas: Banda Persevere, Banda Eu, A Véia e os Caras e Live For André Matos. O evento é gratuito e acontece na Réplica da Estação.

A banda Live For André Matos, uma celebração à vida e obra do maior cantor brasileiro (e um dos maiores do mundo) de heavy metal, Andre Matos, é que abre a noite de apresentações, às 19h30.

Músicos de diversas bandas da região de Campinas e São Paulo (HEAVEN – Choir Metal, Kameratta, Casa das Máquinas, Heal or Kill, Illuminari, Flying Pumpkings, ex-Groovenaria, entre outras) se reunirão para prestar uma singela homenagem ao Maestro. No repertório serão contemplados clássicos das bandas em que o André participou: Angra, Shaman, Viper, Avantasia e carreira solo.

Persevere, banda criada em janeiro de 2015 com integrantes remanescentes de outras bandas, vem na sequência. A ideia veio de algumas conversas em que discutiam sobre fazer um som diferente na cidade, algo que fosse underground, mas ao mesmo tempo novo.

No início a banda não tinha um estilo musical fixo e transitou do Pop Punk ao Grunge, do Grunge ao Punk Rock, e do Punk Rock para o Hardcore, estilo em que se firmaram. “Nos esforçamos para ser o melhor sempre e nunca desistir… Por isso o nome Persevere, ressuscitamos uma banda e ‘perseveramos’ com nossas ideias em uma terra que onde falar a verdade ainda é tabu.”

O som da banda é feito por Agape  vocal; Giovane Souza (Gio/ Gigi), guitarra; Vinicius dos Anjos (Tio Vi), baixo; e o batera Gabriel Tagliaferro.

Das influencias do grupo estão nomes do Rock e Hardcore dos anos 80, como Bad Religion, Anti Flag, Pennywise, o Pop Punk do The Offspring, o Hardcore New York do Comeback Kid e o Metalcore do Parkway Drive.

Das influências nacionais são gritantes os grupos Dead Fish, Bullet Bane, Sugar Kane, Bayside Kings e Rancore. Quando sobem ao palco um pouco da energia desses grupos os acompanha.

Mais de 10 anos de experiência nos palcos e com uma vontade de repartir seus pensamentos e desejos com o público enquanto exploram o novo: tudo isso pode resumir as 3 músicas que compõem o primeiro trabalho que a Eu, a Véia e os Caras (formada em Limeira/SP) lançado pelo grupo em 2018.

O registro tem inspirações distintas para cada música, como na faixa título – inspirada no já clássico filme cult Brilho Eterno de uma Mente Sem Lembranças, que dá abertura ao EP, com uma sonoridade pesada e densa e letra que, assim como o filme, aborda arrependimentos. As gravações aconteceram no estúdio Juninho Sarpa Music, aqui em Artur Nogueira com produção e mix de Hugo Silva (Family Mob).

O grupo segue em turnê do primeiro trabalho, com um show que traz peso e uma dose de sensibilidade.

A banda, já composta por Guilherme Lúis Bisca (Jobs) nos vocais, Diego (Véia) e Lucas Calheiros nas guitarras, Vitor Penteado no baixo e André Abreu na bateria, agora conta com um novo elemento: Caíque Redondando, chega para somar o time, explorando novos universos com timbres e beats eletrônicos.

Banda de pop rock/rock consolidada na cidade de Limeira e região, comum vasto repertório contendo músicas nacionais e internacionais que marcaram nossa geração.

Integrantes:

Voz – Guilherme Bisca

Guitarra – Diego Tetzner

Guitarra – Lucas Calheiros

Baixo – Vitor Penteado

Bateria – André Abreu

Data: 12 de setembro

Horário: a partir das 19h30

Local: Réplica da Estação, Centro de Artur Nogueira

Entrada gratuita

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.