17/08/2020

Com maioria de votos, Câmara acata denúncia contra Ivan

Votação ocorreu na sessão ordinária desta segunda-feira (17), com oito votos a favor e dois contrários à denúncia

Da redação

Durante a 18ª sessão ordinária da Câmara Municipal de Artur Nogueira, realizada na noite desta segunda-feira (17), ocorreu a leitura e votação do recebimento de uma denúncia efetuada por um munícipe contra o prefeito Ivan Vicensotti (PSB). A denúncia aponta a prática de infrações político-administrativas pelo chefe do Executivo municipal. Durante a sessão da Câmara, a denúncia foi acatada frente à maioria de votos.

A sessão desta segunda-feira foi presidia pelo vereador Ermes Dagrela (PR), pois o presidente da Casa Legislativa, Beto Baiano (Patriota) está afastado temporariamente após ter testado positivo para Covid-19. A denúncia efetuada contra Vicensotti foi motivada após a reprovação do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo (TCE-SP) sobre as contas municipais do ano de 2017. Na época, Vicensotti estava em seu primeiro ano como prefeito da cidade.

O TCE-SP apontou pelo menos 30 itens em desconformidade na administração pública de Vicensotti. Ivan, por outro lado, recorreu do parecer e alega ainda não ter recebido o resultado do julgamento.

Para que ocorresse a aceitação da denúncia pela Câmara de Vereadores e fosse aberta uma Comissão Processante para analisar o caso, foi preciso que houvesse a maioria de votos a favor da denúncia entre os parlamentares. Na noite desta segunda-feira, com oito votos a favor e dois contrários, a denúncia foi aceita.

Entre os parlamentares que votaram contra a denúncia estiveram Lari Baiano (Patriota) e Mineirinho do Bar (Patriota). Já os favoráveis à denúncia foram Zé da Elétrica (Patriota), Miltinho Turmeiro (Solidariedade), Zé Pedro Paes (PSD), Cristiano da Farmácia (Solidariedade), Rodrigo de Faveri (PTB), Lucas Sia (PSD), Davi Fernandes (PSDB) e Adalberto Di Lábio (PSD).

Com a decisão, a denúncia foi então acatada pela Casa Legislativa e será analisada em uma Comissão Processante. Os vereadores Lucas Sia (presidente), Zé da Elétrica (relator) e Rodrigo de Fáveri (membro) deverão compor a Comissão Processante do caso em análise.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.