20/05/2013

Cia de Teatro traz programação especial para Artur Nogueira

Atrações acontecem na Escola Modelo com entrada franca

A Cia de Teatro São Genésio promoverá três atrações gratuitas que prometem agradar os nogueirenses que gostam de teatro. As atrações acontecerão em três horários no sábado (1), no Anfiteatro O Fingidor do Cemeb Monteiro Lobato (Escola Modelo).

A primeira atividade será um workshop de iniciação ao teatro, das 13h às 15h. Logo em seguida, às 16h, acontecerá a apresentação da peça infantil ‘Com Que Chapéu Eu Vou?’. Para finalizar a programação, a Cia de Teatro apresentará às 20 horas a peça teatral adulta Anonimato & Morte de Doralinda.

Workshop

O workshop irá oferecer um ambiente de lazer e integração através da realização de atividades teatrais, proporcionando o contato dos participantes com alguns fundamentos da linguagem teatral. Inscrições na Secretária de Cultura e Turismo de Artur Nogueira. Vagas limitadas (20 pessoas) – Idade mínima: 14 anos. As inscrições devem ser realizadas pelo telefone (19) 9711-3193.

Teatro infantil

O espetáculo ‘Com Que Chapéu Eu Vou’ conta a história de uma garota dos dias de hoje conectada com o mundo da leitura. ‘Chapéu’ como é conhecida, sonha com os contos de fadas e mistura todas as histórias e personagens dentro desse ‘pesadelo lúdico’ bem humorado e cheio de aventuras insólitas.  A peça conta também com uma trilha musical inédita, criada pelo músico Giliardi Sartori exclusivamente para o espetáculo.

Teatro adulto

Comédia Lúdica, com direção de Lya Bueno, conta a história de Doralinda, falecida atriz que se recusa a deitar sem antes estrelar sua epopeia metafísica. O espetáculo tem como foco a vida e morte de Doralinda, funcionária pública, que se recusa a partir desse mundo, enquanto não tiver a oportunidade de dar seu grito de liberdade e demonstrar seu potencial como atriz que faz pobre e rica, feia e bonita, faz boazinha e malvada, casada e até encalhada, faz moça e velha, faz comédia e faz tragédia.

A Cia de Teatro São Genésio retoma, mais uma vez, sua reflexão da realidade do artista anônimo. O texto também ressalta a banalidade que norteia o mundo de muitas celebridades, além de fazer uma alusão ao sertão, no sentido de ser tão distante, tão esquecido, tão solitário.

Todas as atrações são gratuitas e tem apoio da Secretaria de Cultura e Turismo de Artur Nogueira.

Teatro


Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.