06/02/2022

Aulas na rede municipal de Artur Nogueira retomam nesta segunda-feira

Retorno acontecerá nas escolas de Educação Infantil (Pré- Escola) e Ensino Fundamental (1° ao 5° ano) com 100% da capacidade das salas de aula

Foto: Prefeitura de Artur Nogueira

Da redação

A volta às aulas na rede municipal de Artur Nogueira acontece nesta segunda-feira (07). O retorno acontecerá nas escolas de Educação Infantil (Pré- Escola) e Ensino Fundamental (1° ao 5° ano) com 100% da capacidade das salas de aula e sem sistemas de rodízio entre os estudantes. A expectativa é que ao menos 4 mil alunos voltem às salas de aula.

A informação da volta às aulas com 100% da capacidade foi confirmada pela Prefeitura. “A volta das aulas na Rede Municipal de Ensino de Artur Nogueira será no dia 7 de fevereiro e devem retornar com 100% da capacidade das salas de aula”, informou a administração por meio de nota.

Os pais e/ou responsáveis serão orientados sobre os protocolos que deverão continuar sendo seguidos. De acordo com a pasta, a medida vai ao encontro da determinação do Governo de Estado de São Paulo, que retirou a necessidade de distanciamento social de 1 metro entre pessoas e que determinou a volta de 100% dos alunos.

Com isso, os estudantes das EMEIs e EMEFs de Artur Nogueira são obrigados a comparecer presencialmente e só poderão deixar de frequentar as escolas com a apresentação de justificativa médica – caso o aluno pertença aos grupos de risco para a Covid e ou condição de saúde de maior fragilidade.

Protocolos 

As secretarias de Saúde e Educação permanecem orientando os pais/mães, educadores, e seguindo os protocolos sanitários estabelecidos pela Vigilância Sanitária (VISA) e Ministério da Saúde.

Vale destacar que, caso haja agravamento da situação pandêmica nas unidades escolares, a Administração seguirá as diretrizes de suspensão do período (diurno, vespertino ou noturno) em que apresente casos de Covid-19 entre professores ou estudantes, ou suspensão da classe.

A secretaria destaca que o uso de máscara pelos estudantes e funcionários permanece obrigatório para todos; assim como a utilização de álcool em gel nas escolas e equipamentos de proteção individual para professores e demais funcionários; aferição da temperatura; e uso de garrafinhas ou copinhos individualizados.

A pasta destaca que caso a criança apresente algum sintoma gripal em casa, ela não poderá ir à escola e a direção deverá ser comunicada de imediato. Já no caso da criança apresentar sintomas gripais durante a aula, os pais/responsáveis serão comunicados e deverão buscar o aluno imediatamente.

Comprovante de vacinação

Em entrevista ao Portal Nogueirense, o prefeito Lucas Sia (PSD) disse que a rede municipal não exigirá o comprovante de vacinação contra a Covid.  “Na verdade, isso não foi colocado em pauta ainda, não foi discutido em relação a isso, tanto que a obrigatoriedade em adultos, isso não foi exigido no nosso município”, apontou Sia em entrevista ao Portal Nogueirense.

Ainda na entrevista, ele destacou a importância da vacina. “O que gente está orientando é para que se vacinem e a gente tem dados, inclusive municipais, de que quando a pessoa tem o quadro vacinal completo, não está evoluindo. Mais pessoas vacinadas, gravidade menor. A gente teve mais casos neste ano, do que em janeiro do ano passado, mas muito menos casos de alta complexidade”, ressaltou o chefe do executivo municipal.

“A vacina realmente vai ser uma aliada. As vezes tem a insegurança de alguns pais, a gente entende essa situação, mas a nossa vacinação já se iniciou, a gente acredita na ciência e as aulas vão retornar no dia 7 de fevereiro com todas as medidas de higiene necessária”, completou Lucas Sia.

Por fim, o chefe do executivo municipal deixou claro que a obrigatoriedade da vacina para os alunos da rede municipal não está em pauta na cidade. “A gente precisa aprender também a conviver com o vírus e com segurança e a vacina é o melhor caminho. Quem puder vacine-se, mas essa obrigatoriedade não foi colocada em pauta em momento algum[…] não está nos planos do município”, finalizou o prefeito.

Confira o trecho da entrevista em que o prefeito fala sobre a questão:

Vacinação 

Importante salientar que a vacinação para o público infantil, de 5 a 11 anos, já está liberada em Artur Nogueira e, até o momento, o município já vacinou cerca de 700 crianças. A imunização ocorre em dois diferentes pontos da cidade, a sala de vacinação da UBS Terezinha Vicensotti e do Espaço Mãe e Filho. O atendimento é das 9h às 11h e de 13h às 14h.

Além disso, há interesse do Poder Executivo Municipal em promover e/ou apoiar ações nas escolas, sejam elas estaduais ou municipais, incentivando a imunização das crianças de 5 a 11 anos, o que contribuirá com a cobertura vacinal de todo o município.

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense


Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.