25/03/2019

Artur Nogueira tem alta em pagamentos antecipados de licenciamento

Análise do Detran-SP levou em consideração período do primeiro bimestre de 2018 e 2019

Diego Faria

Um levantamento realizado pelo Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP) apontou que houve um aumento no número de licenciamentos antecipados realizados em quase todas as cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC). Os dados são referentes ao primeiro bimestre deste ano, em comparativo com o mesmo período do ano anterior. Em Artur Nogueira, o percentual foi maior que 11%.

Conforme os dados do Detran-SP, foram 178.476 pagamentos de Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) realizados no entre janeiro e fevereiro de 2019, contra 163.626 em 2018 em toda a RMC. Esse montante representa um aumento de até 9,07% nos pagamentos do imposto na região durante os períodos analisados. Em Artur Nogueira foram feitos 2.356 licenciamentos em 2019, já no ano passado, 2.107. O aumento representa 11,81% no percentual.

Entre as 20 cidades da RMC, a única que não obteve alta no número de licenciamentos antecipados, comparados entre o período de 2018 e 2019, foi Monte Mor (SP), apresentando queda de 4,49%, de acordo com o levantamento do Detran-SP. Os municípios que mais tiveram alta na antecipação do pagamento do imposto foram Engenheiro Coelho (SP), obtendo a marca de 18,30%, Paulínia (SP), com a marca de 16,14% , Santo Antônio de Posse (SP), com 13,71% e Campinas (SP), com 7,04%.

CIDADEJAN / FEV 2018JAN / FEV 2019VARIAÇÃO
Americana15.45516.6627,8%
Artur Nogueira2.1072.35611,81%
Campinas69.35674.2397,04%
Cosmópolis1.7691.9228,64%
Engenheiro Coelho49758818,3%
Holambra1.4901.6238,92%
Hortolândia 4.6035.21513,29%
Indaiatuba15.29317.00211,17%
Itatiba7.1768.01111,663%
Jaguariúna3.0053.2538,25%
Monte Mor1.5361.467-4,49%
Morungaba40045413,5%
Nova Odessa2.5472.83411,26%
Paulínia5.8606.80616,14%
Pedreira2.4642.6507,54%
Santa Bárbara d'Oeste8.2499.11510,49%
Santo Antonio de Posse8821.00313,71%
Sumaré7.9998.98112,27%
Valinhos7.4928.1949,36%
Vinhedo5.4466.10112,02%
RMC163.626178.4769,07%

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) findará o prazo para o pagamento antecipado do imposto no dia 31 de março. O serviço deverá ser pago em casas lotéricas, agencias bancárias, caixas eletrônicos ou pela internet com o número de Renavam. O envio do documento será feito aos proprietários dos veículos pelos Correios.

Os pagamentos que forem feitos posteriormente à data limite seguirão o cronograma anual previsto, sendo necessário a quitação do IPVA antes da data correspondente com o dígito final da placa do veículo. Neste caso, a retirada do documento pode ser feita nas agências do Poupa Tempo ou nas unidades do Detran de cada cidade.

Veículos que não possuírem o pagamento do licenciamento em dia permanecerão impedidos de circular, sendo sujeitos à apreensão, podendo resultar em multa gravíssima de R$ 293,47 e sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH) do motorista.

Licenciamento para carros de passeio, ônibus, reboque e semirreboque

  • Abril – placa final 1
  • Maio – placa final 2
  • Junho – placa final 3
  • Julho – placa final 4
  • Agosto – placa finais 5 e 6
  • Setembro – placa final 7
  • Outubro – placa final 8
  • Novembro – placa final 9
  • Dezembro – placa final 0

Licenciamento para caminhões

  • Setembro – placas finais 1 e 2
  • Outubro – placas finais 3, 4 e 5
  • Novembro – placas finais 6, 7 e 8
  • Dezembro – placas finais 9 e 0

Para outras informações, os moradores de Artur Nogueira devem procurar a sede do Detran-SP no município, localizada na Rua Alice Pereira Mansur, 51, Vila Queiroz. Para quem reside em São Paulo ou em municípios com DDD 11, o telefone de contato do Detran-SP é o 3322-3333. Já quem mora nas demais localidades pode ligar no 0300-101-3333

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.