15/09/2019

Artur Nogueira está fora do Mapa do Turismo Brasileiro 2019

Além do município nogueirense, outras três cidades da região tiveram exclusão por não apresentaram propostas de turismo como desenvolvimento econômico

Da redação

Artur Nogueira e mais três cidades da Região Metropolitana de Campinas (RMC) deixaram de fazer parte do Mapa do Turismo Brasileiro em 2019. A medida, divulgada pelo Ministério do Turismo, ocorreu porque os referidos municípios não apresentaram nenhuma proposta de turismo como forma estratégica de desenvolvimento econômico.

Conforme a decisão do Ministério do Turismo, além de Artur Nogueira, Hortolândia (SP), Monte Mor (SP) e Santo Antônio de Posse (SP) estão excluídas da edição 2019 do Mapa do Turismo Brasileiro. As  16 demais cidades da região estão divididas em quatro categorias de escala referente à municípios turísticos ou que contribuem para a fomentação do setor.

Na escala deste cronograma turístico, estão integradas as categorias A, B, C e D referente aos municípios que contêm a disponibilidade para o atendimento de visitantes. Cada categoria depende da estrutura que a cidade possui para o serviço, como por exemplo, a existência de aporte hoteleiro, de transporte e alimentício, além da rotatividade de turistas durante o ano.

Referente à RMC, apenas Campinas (SP) está presente na categoria A da escala turística da região. Na sequência, presentes na categoria B, estão Americana (SP), Indaiatuba (SP) e Sumaré (SP).

Cosmópolis (SP), Holambra (SP), Itatiba (SP), Jaguariúna (SP), Nova Odessa (SP), Paulínia (SP), Santa Bárbara d´Oeste (SP), Sumaré (SP), Valinhos (SP) e Vinhedo (SP), estão inseridos no grupo C da escala. Já Engenheiro Coelho (SP), Morungaba (SP) e Pedreira (SP) fazem parte da categoria D. Estas cidades estão presentes no grupo que não contém a rotatividade necessária para um turismo nacional ou internacional significativo, mas que possuem alguma ação importante para o turismo regional e necessitam de investimento para a oferta de empregos e aporte de hospedagem, por exemplo.

Entre os critérios adotados para a avaliação dos municípios referente ao Mapa do Turismo Brasileiro está a exigência da cidade em questão possuir a destinação de verba voltada diretamente à fomentação do turismo, ter a prestação de serviços turísticos, além do município ter  a presença de um órgão de turismo ou conselho municipal da pasta em atividade.

O Ministério do Turismo apontou ainda a existência de três municípios presentes na RMC que estão inseridas na rota do Circuito das Águas e Flores Paulista, entre elas, Holambra, Jaguariúna e Pedreira. Campinas, Americana, Nova Odessa, Santa Bárbara e Sumaré fazem parte do Circuito do Bem Viver.

Cosmópolis, Engenheiro Coelho e Paulínia estão inseridos no circuito de Trilhos e Trilhas da Baixa Mogiana. As cidades de Morungaba, Valinhos, Vinhedo, Itatiba e Indaiatuba estão classificadas no Circuito das Frutas do turismo nacional.

…………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.