26/02/2020

4 dicas para fazer o motor do seu carro durar mais

Informe publicitário O motor é a parte principal do veículo e precisa de manutenção periódica uma vez por ano ou a cada 10.000 km, no mínimo. Os cuidados mais comuns para o motor estão relacionados a troca de fluídos e dos filtros que cuidam da pureza destes. Mas estes não são as únicas peças que […]

Informe publicitário

O motor é a parte principal do veículo e precisa de manutenção periódica uma vez por ano ou a cada 10.000 km, no mínimo. Os cuidados mais comuns para o motor estão relacionados a troca de fluídos e dos filtros que cuidam da pureza destes. Mas estes não são as únicas peças que fazer parte do motor.  Há diversos outros itens que demandam cuidado e manutenção, seja preventiva ou corretiva, como a correia dentadas, cabos e velas.

1 – Evitar o aquecimento do motor antes de começar a rodar

Quando o motorista decidir sair de casa ou do local onde o carro está estacionado, presume-se que é necessário esperar que o motor seja aquecido. É comum ouvirmos que quando você for sair pela manhã ou quando o carro estiver frio, não é preciso esperar alguns minutos em marcha lenta. Apenas entre no carro e ligue o motor, coloque o cinto e ajuste o assento e espelhos. Estes 30 segundos já são o suficiente para que o seu carro esteja pronto para rodar. É necessário que todo esse procedimento seja realizado com suavidade, para que o motor alcance a temperatura ideal de funcionamento.

2 – Evite acelerações bruscas

O acelerador é um pedal que controla a velocidade do carro. Todo bom condutor sabe que é necessário acelerar gradualmente e modificando as marchas. Descer o pé total e rapidamente no acelerador não garante que o carro terá uma arrancada e não significa que alcançará uma velocidade alta. Querer acelerar o carro rapidamente, de forma brusca, não terá o efeito esperado e causará danos ao motor do veículo. Sendo utilizado com grande frequência, ainda mais em locais que possuem congestionamento, o que faz com que o motor trabalhe, é preciso estar atento a este tipo de ação.

3 – Bons filtros de ar e de óleo

Sempre utilize o óleo especificado no manual do proprietário, independentemente da quilometragem do veículos, e faça as trocas no prazo indicado. Jamais complete o nível. Se houver vazamento, corrija e troque o óleo. É comum aconselhar o motorista a trocar o filtro de óleo quando ocorre a troca do fluído, pois ocorre de o filtro estar com impurezas e pode, caso não seja trocado junto, trazer impurezas e sujar o óleo novo. Os filtros são peças baratas mas que são de extrema importância para garantir o bom funcionamento do carro.

4 – Velas

A vela é uma peça fundamental e é ela quem fornece a centelha, também chamada de faísca elétrica, que é responsável por dar a partida no carro. Nos manuais do proprietário o usuário pode verificar a recomendação de troca das peças de acordo com esses testes. É importante que o condutor do automóvel esteja atento a quilometragem rodada do mesmo, pois recomenda-se que seja feito uma inspeção da vela a cada 10.000 km ou anualmente.

Mesmo seguindo essas dicas e o que é recomendado pelo profissional, as peças do motor dão defeito. Neste caso, busque por lojas online, que possuem um melhor preço e custo benefício do produto a ser adquirido. Uma loja com garantia e qualidade é o site motordoctor.pt que possui peças diversas e das mais diferentes marcas.


Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.