04/05/2013

Você escuta, mas não entende? Conheça o Distúrbio de Processamento Auditivo Central

Atrasado, preguiçoso, distraído, desinteressado, manhoso são alguns adjetivos atribuídos a quem pode ter o DPAC, Distúrbio de Processamento Auditivo Central. Neste distúrbio a pessoa com audição normal detecta os sons, mas não interpreta as informações.

Esta dificuldade na infância pode trazer prejuízos tanto social como de aprendizagem porque a criança não entende o que o professor fala, não sendo capaz de escrever, interpretar textos e compreender o enunciado do problema.

Os sintomas de DPAC, podem variar e ter diferentes formas de manifestação em crianças ou adultos. Confira se você ou alguém que conheça apresenta alguns desses sinais e sintomas:

– É muito distraído ou desatento?
– Muito agitado ou muito quieto?
– Demora em escutar ou entender quando chamada sua atenção?
– Fala muito “Hã?”, “O que?”, ou “Não entendi!”?
– Problema de memória?
– Tem dificuldade para entender o que está sendo falado quando em ambientes ruidosos ou em grupos?
– Há cansaço ou atenção curta para sons em geral?
– Apresenta dificuldade de localizar o som?
-Tem dificuldade em contar um fato ou história?
– Possui dificuldade em seguir uma sequência de tarefas que lhe foi falada?
– Tem dificuldades em entender piadas ou palavras de duplo sentido?
– Dificuldade em compreender o que lê?
– Problemas de produção de fala envolvendo as letras “L” e “R”.
– Inversão de letras e problemas de orientação direita e esquerda?
– Desempenho escolar inferior na leitura, gramática, ortografia e matemática?
– Em geral, aparenta, ás vezes, ouvir bem, ás vezes não.

Se você assinalou mais de uma alternativa, você pode ter um Distúrbio do Processamento Auditivo Central.

 O que é Processamento Auditivo Central?
É a capacidade de analisar ou interpretar informações que nos chegam através da audição e compreender a mensagem. Esta capacidade depende do bom funcionamento das áreas auditivas do córtex cerebral e dos caminhos que conduzem o som até estas áreas.

O que pode causar o DPAC
As principais causas são:
Problemas durante a gestação e o nascimento.
Otites frequentes durante os primeiros anos de vida.
Falta de estimulação auditiva durante a primeira infância.
Hereditariedade.

Diagnóstico
É necessário fazer uma avaliação completa da audição com o otorrinolaringologista e o fonoaudiólogo, incluindo a avaliação do processamento com testes especiais e assim fazer o diagnóstico diferencial de outras alterações como dislexia, transtorno de déficit de atenção.

Tratamento
O tratamento consiste em um programa de reabilitação fonoaudiológica através de treino e exercícios específicos para desenvolver as habilidades que estão prejudicadas após a realização do exame.

Este distúrbio ainda é pouco conhecido, mas traz sérias dificuldades de aprendizagem e socialização que podem ser melhoradas com o tratamento adequado. Consulte um fonoaudiólogo para maiores esclarecimentos.

……………….

Elaine de Faveri Elaine de Faveri é Fonoaudióloga, formada pela PUCCAMP em 1997.  Especialista em Motricidade Orofacial e Acupuntura.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.