07/12/2016

Ranking classifica administração de Artur Nogueira como ‘Muito Efetiva’

Tribunal de Contas pontuou município com nota B + em 2015

Texto: Leonardo Saimon

prefeitura

O Índice de Efetividade da Gestão Municipal (IEGM) classificou a administração de Artur Nogueira com nota B + (Gestão Muito Efetiva). O levantamento feito por mais de 20 Tribunais de Contas dos Estados (TCEs) foi divulgado na última sexta-feira (02) com base em sete indicadores avaliados em 2015. O indicador nacional é considerado o maior estudo de gestão pública do país, permitindo aos Tribunais, seguindo uma mesma metodologia, comparar efetividade e resultados de políticas públicas, e à sociedade conhecer a realidade da gestão municipal.

Para chegar a este resultado, o IEGM avaliou indicadores nas áreas da Saúde, Educação, Planejamento, Gestão Fiscal, Meio Ambiente, Cidades (mede o grau de envolvimento do planejamento do município na proteção dos cidadãos diante de possíveis desastres) e Governança em Tecnologia da Informação. Todos os itens apontados, foram elencadas pelo Tribunal de Contas como (Efetiva ou Muito Efetiva).

Confira a tabela abaixo:

AnoSaúdeEducaçãoPlanejamentoGestão FiscalMeio AmbienteCidadesGov - TI IEGM
2014B +BB +B B +B +BB+
2015B +B B +BB +B +BB+

A avaliação referente a 2015 é idêntica ao que foi visto no ano anterior. Todas as categorias foram pontuados com médias iguais às de 2014. Na Região Metropolitana de Campinas (RMC), além de Artur Nogueira, Indaiatuba, Morungaba, Valinhos e Vinhedos se destacaram com classificação B +. Americana e Sumaré amargaram as médias mais baixas da RMC, com C + (Gestão em Fase de Adequação) e os demais municípios foram pontuados com média B (Gestão Efetiva).

Prefeitura

Segundo a Assessoria de Imprensa, o Índice de Gestão Municipal do Tribunal de Contas reflete a transparência e a responsabilidade pública do trabalho desenvolvido frente à Prefeitura nos últimos quatro anos. “Ao mesmo tempo que realizamos importantes investimentos nas mais diferentes áreas também cuidamos com muita responsabilidade das contas públicas. Apesar de Artur Nogueira ter um dos menores orçamentos de toda a região de Campinas, conseguimos fazer novos e necessários investimentos com muitos recursos, inclusive, conquistado junto aos governos estadual e federal. Nos últimos quatro anos promovemos uma série de ações para aumentar o aumento da arrecadação municipal com a atração de novas empresas, reduzimos despesas e combatemos fortemente o desperdício de recursos públicos”, esclarece por meio de nota.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.