21/07/2016

Dona da casa invadida em Artur Nogueira pede que justiça seja feita

Dona Ana ficou sabendo que a casa tinha sido invadida após uma ligação telefônica.

IMG_02472-1469054375

A proprietária da casa que foi invadida no residencial do Minha Casa Minha Vida disse que ficou assustada quando soube da invasão. A diarista Ana Barbosa Pereira recebeu uma ligação da Prefeitura na manhã desta quarta-feira (20) informando que a casa que ela havia sido contemplada tinha sido ocupada por uma funcionária pública de Artur Nogueira.

Com as chaves e toda documentação da casa em mãos, dona Ana foi até a Prefeitura ouvir explicações. Lá, ela foi informada da situação e orientada a ter calma. “Nunca imaginei que isso poderia acontecer comigo. Estou muito triste. Espero que a Justiça seja feita!”, diz a proprietária.

Clique no play abaixo e ouça a conversa com a dona da casa:

Viúva, dona Ana tem 56 anos e seis filhos. Ela trabalha como diarista e recebe cerca de R$ 800 por mês. Ela conta que sempre pagou aluguel e que mora há 30 anos em Artur Nogueira. Atualmente, todos os móveis dela estão na acumulados na casa de uma das filhas.

IMG_0475-1469054372

Invasão

A casa de número 260 do Programa Minha Casa Minha Vida foi invadida na noite da última terça-feira (19). A funcionária pública Ozana Clementina de Souza, de 49 anos, invadiu a residência e levou mesas, colchões, armários e outros móveis. Clique AQUI e veja a reportagem.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.