22/11/2017

“Minha maior frustração foi não ter achado a Arieli ainda”, diz capitão da PM

ASSISTA: Capitão Hoio participou do programa Nogueirense Entrevista desta terça-feira. Ele também falou sobre combate a roubos e tráfico de drogas em Artur Nogueira

O capitão da Polícia Militar Alexandre Hoio foi o convidado do programa Nogueirense Entrevista desta terça-feira (21). Em uma entrevista de mais de 40 minutos ele falou com o jornalista Alex Bússulo sobre vários assuntos. O destaque da conversa ficou sobre a menina Arieli Pinheiro dos Santos, que está desaparecida desde 1º de outubro.

Após ser questionado sobre o que tem feito para ajudar nas buscas, o capitão desabafou: “Hoje, a minha maior frustração como policial foi não ter achado essa menina ainda. Eu posso garantir, inclusive pessoalmente, fui a vários lugares atrás dessa menina. Todas as pistas que nós tínhamos eu esgotei cem por cento”, disse Hoio.

O capitão revelou ainda que foi conversar com as amigas de Arieli na escola e chegou a abordar um suspeito em Engenheiro Coelho, que poderia saber do paradeiro da jovem. “Mas não tinha provas contra ele”, comentou. “Tudo o que chegou para a Polícia Militar foi feito com toda a dedicação do mundo. Posso falar de coração aberto que, como pai, a minha grande frustração foi não ter achado essa menina ainda”.

O policial fez um apelo à população para que dê alguma pista sobre onde possa estar Arieli. Qualquer informação pode ser dada pelo telefone (19) 3872-1684.

Alexandre Hoio também falou durante a entrevista sobre o que tem feito para combater furtos e roubos em Artur Nogueira e sobre a importância do Conselho de Segurança.

Assista a entrevista na íntegra:


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.