16/04/2018

Investigado por assassinato em Artur Nogueira tem prisão prorrogada

Polícia Civil continua a apurar homicídio de Ana Paula de Araújo dos Santos

Da redação

O suspeito investigado pelo assassinato de Ana Paula de Araújo dos Santos, crime ocorrido em Artur Nogueira, continua preso temporariamente. A prorrogação da prisão do suspeito foi estipulada neste sábado (14) pela Polícia Civil do município. A unidade continua a apurar o caso.

Conforme descrito em um Boletim de Ocorrência (B.O.), a prisão temporária do investigado, de 39 anos, aconteceu em 15 de março deste ano. Ele havia se apresentado à Delegacia na companhia de um advogado após ter conhecimento de que era investigado pelo crime, ocorrido no dia 6 do mesmo mês.

Com a prisão temporária decretada na ocasião, ele permaneceria em reclusão por 30 dias após a data estipulada, neste período, o corpo de investigações da unidade de polícia teria que apresentar evidências da participação dele no assassinato da vítima, ex companheira do investigado. Ela foi executada com disparos de arma de fogo enquanto trafegava com uma motocicleta pelo Jardim Jatobá.

Passados os 30 dias da prisão do investigado, a Polícia Civil emitiu uma solicitação de prorrogação da prisão para que a apuração sobre o fato possa continuar. Com o pedido, a reclusão do suspeito deve se estender por mais 30 dias.

O suspeito permanece preso na Cadeia de Santa Bárbara d’Oeste (SP).

Leia mais:

Polícia prende suspeito de matar mulher a tiros em Artur Nogueira

Parentes de vítima assassinada em Artur Nogueira prestam depoimento na Delegacia

Delegado de Artur Nogueira suspeita de crime passional em assassinato

Ana Paula de Araújo dos Santos, moradora de Artur Nogueira, falece aos 28 anos

Mulher é assassinada a tiros em Artur Nogueira

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.