03/08/2017

Capoeirista desenvolve trabalho social em Artur Nogueira

Instrutor Baixinho dá aulas gratuitas de capoeira e quer estender projeto para bairros da cidade

Da redação

Toda semana, uma movimentação diferente na Réplica da Estação, em Artur Nogueira, chama atenção dos moradores que passam pelo local. No recinto, um grupo de pessoas vestidas de branco gingam ao som de instrumentos como berimbau, pandeiro, atabaque e caxixi. Entre uma gingada e outra, eles executam uma “benção”, um “martelo” ou uma “queixada”, movimentos característicos da capoeira.

Quem comanda a roda é Rogério Vieira Maia, o Baixinho. Praticante da modalidade há 15 anos, ele dá aulas gratuitas de capoeira em Artur Nogueira desde 2013 – e tem planos de estender o projeto para uma parcela bem maior da população.

capoeiraluanda (10)-1501718210

Natural do Ceará, Baixinho se mudou para o Estado de São Paulo há 17 anos. Menos de dois anos depois, conheceu a capoeira por meio de um amigo, em Mogi Mirim (SP). Isso mudou a vida do nordestino. “Antes da capoeira, minha vida era outra. É graças à ele que hoje eu estou aqui, conversando com você”, afirma.

Mais de 12 anos depois de iniciar a prática da modalidade, Baixinho percebeu que já estava preparado para passar adiante tudo o que havia aprendido. “A gente chega numa fase em que a capoeira cobra que você tenha um trabalho com ela”, explica o professor. “Eu já estava nessa fase, e o meu mestre deu o aval para eu dar aulas”, conta.

Há quatro anos, então, o capoeirista começou a ensinar a modalidade em Artur Nogueira. Mistura centenária de arte, dança e luta desenvolvida por escravos na época do Brasil Colônia, a roda de capoeira recebeu da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), em 2014, o título de Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade. Nesta quinta-feira (3), é comemorado o Dia da Capoeira em todo o Brasil.

capoeiraluanda (6)-1501718201

Por um ano e meio, Baixinho trabalhou voluntariamente no Centro Cultural Tom Jobim. Agora, por meio de uma parceria com a Secretaria Municipal de Cultura, o professor ganhou um local mais espaçoso para as aulas e passará a ser remunerado. Mas os planos dele são ainda maiores. “Em breve, queremos expandir o trabalho para os bairros”, destaca. “No momento em que isso acontecer, o volume de alunos vai aumentar, e o trabalho vai crescer cada vez mais. Essa é a ideia”, acrescenta.

Toda semana, 20 pessoas, entre crianças, jovens e adultos, participam das aulas oferecida por Baixinho e que são vinculadas ao projeto Capoeira Luanda. No entanto, há mais 40 vagas em aberto. “Qualquer pessoa pode praticar a capoeira, independentemente de raça, cor ou porte físico. A capoeira tem espaço para todo mundo”, convida o professor.

capoeiraluanda (15)-1501718222

Segundo ele, a modalidade oferece muitos benefícios para seus praticantes: além de melhorar a saúde, ela é ótima para desenvolver a disciplina e a boa educação. “Tem gente que procura a capoeira por recomendação médica; tem gente que gosta e segue”, comenta. “Eu sigo porque comecei e ela [a capoeira] pegou no meu sangue; hoje sou capoeirista e professor”, afirma.

Eventos

Nesta semana, Baixinho participa em Goiânia (GO) de um evento internacional em comemoração aos 10 anos do Capoeira Luanda. Representantes de todos os países em que o projeto atua estarão presentes, e serão realizados workshops com mestres de todo o mundo. A programação também contará com a cerimônia de troca de cordas de instrutores, professores e mestres.

capoeiraluanda (13)-1501718217

Segundo ele, um evento semelhante deve ser realizado em Artur Nogueira em outubro. O próprio Baixinho está organizando a programação, que deverá contar com mestres muito conhecidos no meio, como o Guerreiro, de Goiânia (GO), e o Jelon, um dos fundadores do Capoeira Luanda e que virá dos Estados Unidos para participar do encontro.

Para os interessados, as aulas gratuitas de capoeira são realizadas toda segunda e quarta-feira, das 19 às 20 horas (para crianças) e das 20 às 21 horas (para adolescentes e adultos) na Réplica da Estação.

capoeiraluanda (11)-1501718212 capoeiraluanda (19)-1501718233 capoeiraluanda (7)-1501718202 capoeiraluanda (2)-1501718192 capoeiraluanda (18)-1501718231 capoeiraluanda (17)-1501718228 capoeiraluanda (4)-1501718196

……………………………………..

Tem uma sugestão de reportagem? Clique aqui e envie para o Portal Nogueirense.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.