16/05/2016

Capelinha de São João pode virar patrimônio histórico de Artur Nogueira

Pequena construção foi construída há 93 anos.

A Capela de São João Batista, localizada no bairro Boa Vista, em Artur Nogueira, pode ser o próximo patrimônio histórico do município. O projeto de tombamento está na Câmara Municipal e deve ser votado nas próximas semanas.

A Capelinha, como é conhecida pelos moradores, foi construída em 1923, no bairro Boa Vista, no então Distrito de Paz de Artur Nogueira, em terreno doado pelo Sr. Francisco Berton. O projeto e a realização da obra ficaram por conta do Sr. Lourenço Gazola e seu filho, Pedro Gazola. De acordo com antigos moradores, a primeira construção da Capelinha media 2 x 3 metros, e que a escolha de São João Batista como padroeiro foi feita em homenagem ao pai do doador do terreno, que se chamava João.

Lourenço Gazola, imigrante italiano da cidade de Treviso, chegou ao Brasil no ano de 1878 e foi morar na cidade de Pedreira-SP e, posteriormente, veio para o Distrito de Paz de Artur Nogueira, em 1912. Seu filho, Pedro Gazola, era fruto do matrimônio com Maria Marconi.

Em 1982, as famílias vizinhas e frequentadoras da Capelinha decidiram reformar o espaço. Pediram ao Monsenhor Edisson Vieira Lício a permissão para aumentar o tamanho do local. O padre afirmou, na época, que a Capelinha deveria ter, no mínimo, 30 m², mas os pedreiros voluntários já tinham feito o alicerce e parte das paredes com 4 x 6 metros, totalizando 24 m².

Hoje, o local foi reformado por voluntários e está sob responsabilidade dos casais da Pastoral do Batismo.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.