02/12/2016

Artista plástico itinerante visita Artur Nogueira

Camilo Gouvêa deve permanecer durante um mês no município

Texto:Leonardo Saimon/ Foto:Alex Bússulo

O artista plástico Camilo Gouvêa, de 50 anos, usou seus atributos artísticos para retratar por meio de uma pintura a Igreja Matriz de Artur Nogueira. Essa é, no entanto, apenas um dos diversos quadros que o pintor espera desenhar pela cidade. Natural de Baependi, sul de Minas Gerais, ele conta que gostou do município e se sentiu bem acolhido. “Achei o local muito bonito e hospitaleiro”, declara Gouvêa.

O artista alugou uma casa no bairro São Vicente, onde deve ficar durante um mês. Mesmo sem conhecer ninguém, o mineiro optou por Artur Nogueira, já que costuma viajar o Brasil retratando a realidade das cidades por onde passa. “Eu gosto mais de pintar animais, porém eu desenho de tudo. Eu escolhi pintar esta igreja porque ela resgata a história daqui”, destaca o pintor. Ele revela que a paixão pela arte surgiu ainda quando criança e aprimorou técnicas ao longo da vida que fazem parte do trabalho que desenvolve.

“Eu aplico óleo sob tela, mas antes eu faço um esboço do desenho com carvão. Tem todo um preparo antes de eu entrar com a tinta. Depois que o quadro fica pronto, eu comercializo meu trabalho”, completa. Gouvêa não sabe ainda quantos quadros pretende fazer, mas já viu possíveis locais que deseja pintar.

img_2130a-1480690301

img_2122-1480690293


ÚLTIMAS NOTÍCIAS



Comentários

Não nos responsabilizamos pelos comentários feitos por nossos visitantes, sendo certo que as opiniões aqui prestadas não representam a opinião do Grupo Bússulo Comunicação Ltda.